Prefeitura inicia primeiros passos do programa “Criança Feliz”

Após a etapa de adesão e capacitação do projeto, a prefeitura de Antônio Cardoso, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Esporte, Cultura e Lazer, inicia  os 1º passos do Programa “Criança Feliz” do Governo Federal no município de Antônio Cardoso, com    finalidade de ajudar milhões de famílias, com crianças de zero a seis anos, em todo território nacional, fazendo com que essas crianças tenham um desenvolvimento integral das suas vidas, principalmente relacionado a alimentação.

O programa é voltado para a primeira infância, através do desenvolvimento integral da criança, reduzindo a desigualdade e a pobreza extrema. Segundo a Secretária de Desenvolvimento Social, Maria de Lourdes de Carvalho, o programa visa também o fortalecimento das políticas públicas que atendem crianças. “Com adesão desse projeto, vamos poder ajudar (100) famílias entre crianças, mães, e cuidadoras que serão contempladas com o programa no Município de Antônio Cardoso.” Disse.

De acordo com informações do site do Governo Federal, o programa  que foi lançado em outubro de 2016 e prioriza crianças e famílias em situação de vulnerabilidade e risco social, nos seguintes casos:  Gestantes, crianças de até 36 (trinta e seis) meses e suas famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família; Crianças de até 72 (setenta e dois) meses e suas famílias beneficiárias do Benefício de Prestação Continuada; Crianças de até 72 (setenta e dois) meses afastadas do convívio familiar em razão da aplicação de medida de proteção. Tem suas iniciativas Coordenadas pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA). O Programa Criança Feliz integrará ações coordenadas em várias áreas, como saúde, assistência social, educação, justiça e cultura. Além disso, serão feitas visitas domiciliares semanais, com o objetivo de oferecer às famílias informação e interação com as crianças, identificando oportunidades e riscos para o desenvolvimento infantil.

MAIS NOTÍCIAS

RECEBA NOSSO INFORMATIVO

SETORES MUNICIPAIS